Bem vindo ao portal memória de santos

Realização: Fundação Arquivo e Memória Santos

Patrocinadores

  • 1532

  • 1585

  • 1639

  • 1692

  • 1746

  • 1799

  • 1853

  • 1906

  • 1960

  • 2014

Chegam os primeiros colonos ao Enguaguaçu

Com a chegada do navegador Martim Afonso de Sousa, a distribuição de terras acontece. A área onde surgiria a cidade de Santos é ocupada por alguns colonos, como Domingos Pires, Paschoal Fernandes, Pero e Luis de Góis, José e Francisco Adorno e, o futuro fundador santista, Braz Cubas.

1532

1532

ERGUIA A PRIMEIRA ESTRUTURA RELIGIOSA, A CAPELA DA MADRE DE DEUS

Pero de Góes, mal foi assentado em suas terras, no local que se tornaria conhecido como Sítio das Neves (atual Área Continental de Santos), mandou erguer uma capela, a primeira estrutura religiosa da história santista, dedicada à Madre (mãe) de Deus.

PACHOAL FERNANDES E DOMINGOS PIRES RECEBEM A PRIMEIRA CARTA DE SESMARIA DE SANTOS

Colonos foram agraciados com documento lavrado em 1º de setembro de 1539, assinado pelo capitão-mor de São Vicente, Antonio de Oliveira.

1539

1543

FUNDADA A SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE TODOS OS SANTOS

Braz Cubas implanta o modelo de hospital que seu pai havia feito na cidade do Porto. A Santa Casa de Misericórdia, dedicada a "Todos os Santos", por ter sido criada em 1º de novembro, se tornou referência no litoral brasileiro, a ponto de transformar o nome do povoado de Enguaguaçu, para Santos.

BRAZ CUBAS FUNDA A VILA DE SANTOS

Braz Cubas reuniu todos os colonos e anunciou a elevação do povoado de Enguaguaçu à categoria de Vila, agora denominada Santos, por conta da Santa Casa de Misericórdia.

1546

1550

SANTOS INSTALA SUA PRIMEIRA ALFÂNDEGA

A Casa de Impostos da Coroa foi instalada após a elevação de Santos à categoria de Vila. Foi a terceira do país, atrás de Salvador e São Vicente.

FUNDAÇÃO DO FORTE DE SÃO TIAGO, EM BERTIOGA

Foi a primeira linha de defesa da região, assim como a primeira experiência de fortificação no Brasil. Erguida na ponta do Canal de Bertioga, recebeu o nome de São Tiago. Em 1765, o forte seria rebatizado para São João, quando da restauração da capela interna, dedicada ao santo.

1551

1562

ERGUIDA A CAPELA DA GRAÇA

Capela consagrada à Nossa Senhora da Graça, foi erguida a mando de José Adorno e sua esposa, D. Catharina Monteiro. Em 1589, a Capela da Graça serviu de primeiro abrigo aos monges carmelitas. A capela conviveu na paisagem santista por mais de 340 anos, sendo demolida em 1903.

INSTALADA A CASA DO CONSELHO DA VILA

A primeira casa de Conselho era pequena e pobre. Foi erguida nas proximidades da atual Alfândega de Santos.

1572

1580

ERGUIDO O FORTE VERA CRUZ DE ITAPEMA

A primeira bateria de Itapema aparece em mapas quinhentistas antes mesmo da construção da Barra Grande. Era a fortificação de apoio de defesa da Vila de Santos. Em 9 de setembro de 1905 o forte foi confiado à Alfândega, que ali construiu um holofote do posto fiscal. Atualmente está desativada.

INGLÊS EDWARD FENTON INVADE A VILA DE SANTOS

Foi a primeira invasão pirata enfrentada pelos santistas. Com uma nau e dois galeões de combate, os piratas só não saquearam a vila graças a John Withall, genro de José Adorno, um inglês que vivia em Santos.

1583

1584

CONSTRUÍDA A FORTALEZA DA BARRA GRANDE

Projeto do engenheiro militar italiano Giovanni Antonelli, a Fortaleza da Barra Grande foi construída a partir de canhões de uma nau naufragada. Com o tempo, se tornou a maior fortificação da costa. Funcionou como fortaleza até 1905, quando foi desativada.

JESUÍTAS CRIAM COLÉGIO EM SANTOS

Foi a primeira experiência educacional da história santista. Edificação ficava no atual espaço da Alfândega, e abrigou, após a expulsão dos jesuítas do Brasil (1640), o hospital militar, a residência dos capitães-gerais, correio, armazéns de sal e a própria alfândega. Foi demolido em 1877.

1585

1590

IMAGENS DE SANTOS, DE THEODORE DE BRY, CIRCULAM NA EUROPA

Theodore de Bry era conhecido como um dos mais famosos iconografistas do século XVI. Ele fez uma série de desenhos de Santos, que mostra a vila como se fosse uma cidadela medieval. Estas imagens são uma das referências mais antigas da cidade.

PIRATAS DE THOMAS CAVENDISH INVADEM A VILA DE SANTOS NA NOITE DE NATAL

Os homens do corsário inglês Thomas Cavendish se aproveitam da noite de Natal para ultrapassar a Fortaleza da Barra e chegar à porta da vila, onde saquearam e tocaram fogo.

1591

1598

CONSTRUÍDA A CAPELA DE NOSSA SENHORA DO MONTE SERRAT

Erguida entre 1598 e 1603, por ordem do então governador geral do Brasil, Dom Francisco de Souza, fervoroso devoto de Nossa Senhora do Monte Serrat, no alto do Outeiro da Vigia, ou Morro de São Jerônimo. A capela ficou sob a guarda do vigário de Santos, Manuel Lagarta. Até hoje é uma atração.

ERGUIDO O FORTE NOSSA SENHORA DO MONTE SERRAT, OU FORTE DA VILA

Ficava inicialmente junto ao Colégio dos Jesuítas e tinha oito peças de artilharia. Era o espaço mais antigo da vila que formava o Bairro dos Quarteleiros. Era pra ser reformado em 1714 e se tornado uma fortaleza de enormes proporções, mas não aconteceu. Foi demolido na segunda metade do Século XIX.

1599

1615

SANTOS É INVADIDA PELOS HOLANDESES DE JORIS VAN SPIELBERGEN

Uma expedição da Companhia das Índias Ocidentais, comandada pelo holandês Joris Van Spielbergen, ao passar por Santos para pedir auxílio, acaba se tornando uma invasão, dada a recepção local. Uma batalha acontece na Bahia de Santos e os holandeses chegam a avançar sobre a vila santista.

SURGE A CASA DO TREM BÉLICO

Construído entre 1640 e 1660, a edificação, de dois pavimentos, foi planejada para guardar as coisas (trem) bélicas do Forte de Nossa Senhora do Monte Serrat. Até hoje pode ser vista, constituindo-se na edificação pública mais antiga de Santos.

1640

1702

CONSTRUÍDA A CAPELA DE NOSSA SENHORA DAS NEVES

Erguida no Sítio Madre de Deus, onde existiu a primeira capela da região, a mando de dona Ambrósia de Aguiar . A capela ganhou fama entre os escravos da região, que fizeram de Nossa Senhora das Neves sua padroeira. Foi incendiada em 1884, durante uma revolta de escravos na região.

PADRE SANTISTA, BARTHOLOMEU DE GUSMÃO, SURPREENDE CORTE PORTUGUESA COM INVENÇÃO DO BALÃO

Em 8 de Agosto de 1709, perante o Rei, a Rainha e toda a Corte, Bartholomeu demonstrou sua invenção: o instrumento de andar pelo ar. Chamado de "Passarola", o balão de ar quente alçou o santista à condição de "Primeiro Cientista das Américas". Ele também é o Patrono da Aviação no Brasil.

1709

1734

CONSTRUÇÃO DO FORTE AUGUSTO, OU DA ESTACADA

Quando foi planejado, era para ser um forte completo, mas por falta de recursos, ficou só com a parte frontal de pedra. O restante era feito com estacas de madeira. Existiu até o início do século XX, quando foi substituído pelo prédio da Escola de Aprendizes Marinheiros (atual Museu de Pesca).

CONSTRUÍDA A IGREJA MATRIZ DE SANTOS

Construída entre 1742 e 1746, nas proximidades onde o fundador Braz Cubas erguera a primeira igreja da Misericórdia. Sua arquitetura era um exemplo clássico da arte barroca. A matriz existiu até 1906, quando foi demolida para dar lugar ao projeto de urbanização da Praça da República.

1742

1748

SANTOS SE TORNA CAPITAL DE SÃO PAULO, POR 17 ANOS

Quando o Reino decide unificar as capitanias de São Paulo e Minas Gerais à capitania do Rio de Janeiro, o governo é transferido para a cidade carioca. Com a mudança, o comando paulista passa às mãos do comandante da Praça de Santos, capitão Luis Antonio de Sá Queiroga. Ele opta a governar daqui.

SANTISTA ALEXANDRE DE GUSMÃO CRIA TRATADO QUE LIBERA A LINHA DE TORDESILHAS

Alexandre de Gusmão estabeleceu um novo conceito de fronteiras, com a assinatura do Tratado de Madri, em 13 de fevereiro de 1750. Em lugar das linhas fronteiriças estabelecidas pelo Tratado de Tordesilhas, os acidentes geográficos se tornariam os limites naturais.

1750

1765

ACONTECE O PRIMEIRO CENSO OFICIAL DE SANTOS

Neste cenário, foram contabilizados 1.625 habitantes, no que ficou conhecido como o primeiro censo santista. Essas poucas almas (que caberiam tranquilamente em um dos modernos condomínios hoje existentes) residiam, em sua maioria, na área compreendida entre o Valongo e o Outeiro de Santa Catarina.

CONSTRUÍDA A CAPELA JESUS, MARIA E JOSÉ

Também conhecida como Capela do Terço ou Capela do Carvalho, foi erguida no final do século XVIII, a mando do coronel José Antonio Vieira de Carvalho, junto ao Ribeirão de São Jerônimo, à beira do mar. Na virada dos séculos XIX para o XX foi demolida, por conta das obras de construção do porto.

1790

1795

IMPLANTADO O ARSENAL DA MARINHA

Santos passou a abrigar, entre 1795 e 1796, um espaço dedicado ao Arsenal da Marinha, defronte ao Conjunto do Carmo. A partir de 1820 serviu como estaleiro de reparos e construção naval. Em 1825 construiu a barca canhoneira "Leal Paulista". Abrigou a Escola de Aprendizes Marinheiros, em 1880.

MORRE FREI GASPAR, O PRIMEIRO HISTORIADOR DE SANTOS

Nos anos finais de sua vida, Frei Gaspar trabalhou ativamente na composição de sua obra histórica. Em 1793 já havia concluído os três volumes das "Memórias para a História da Capitania de São Vicente", que viriam a público em 1797 pela Academia Real das Ciências de Lisboa.

1800

1810

SANTOS TEM A PRIMEIRA EXPERIÊNCIA EM ILUMINAÇÃO PÚBLICA DE SÃO PAULO

Bem antes da capital bandeirante, a cidade de Santos implantou seu sistema de iluminação pública, em janeiro de 1810, depois de receber autorização do Governo da Província. Inicialmente foram instalados 69 lampiões alimentados por óleo de peixe.

INDEPENDÊNCIA DO BRASIL

Dom Pedro I visitou Santos em 05 de setembro de 1822 mas, imprevistos anteciparam a volta do príncipe regente para São Paulo e tiraram de Santos a primazia do grito para a separação de Portugal

Veja também:

POR POUCO SANTOS NÃO EMBALA A INDEPENDÊNCIA DO BRASIL

1822

1826

DOMITILA DE CASTRO CANTO E MELO RECEBE TÍTULO DE MARQUESA DE SANTOS

Domitila de Castro Canto e Melo recebeu o título de "Viscondessa de Santos", em 12 de outubro de 1825. No ano seguinte, na mesma data, a amante do imperador D. Pedro I ascendeu ao título de "Marquesa de Santos", considerado um insulto ao Patriarca José Bonifácio Andrada e Silva.

ATERRADO DE CUBATÃO PROMOVE A LIGAÇÃO SECA DE SANTOS COM O CONTINENTE

Dia 7 de fevereiro de 1827 marcou a inauguração do Aterrado de Cubatão, a ligação seca entre a cidade de Santos e o pé da Serra do Mar. Com a nova estrada, o porto santista aumentou substancialmente a capacidade de exportação de produtos.

1827

1830

PRIMEIRO TEATRO DE SANTOS, DE TÃO SIMPLES, NÃO TINHA NEM CADEIRA PARA SENTAR

A primeira casa de espetáculos surgiu por volta de 1830, e ocupava as dependências de um velho casarão situado no Largo da Coroação (atual Praça Mauá, esquina com a rua Riachuelo, do lado esquerdo de quem vê do Paço Municipal). Lá aconteceu o primeiro baile de Carnaval de Santos.

INICIA-SE A CONSTRUÇÃO DA NOVA CASA DE CÂMARA E CADEIA

A Cadeia Velha, ou Casa de Câmara de Cadeia, teve sua construção iniciada em 1839, no antigo Campo da Chácara. Demorou 30 anos para ser concluída. Em 1865, abrigou tropas brasileiras em trânsito para a Guerra do Paraguai. Sediou a Câmara, o Forum, delegacias e a Cadeia Municipal, até 1956.

1839

1846

INAUGURADO O CHAFARIZ DA COROAÇÃO PELO IMPERADOR D. PEDRO II

Inaugurado com pompa e circunstância no dia 18 de setembro de 1846, diante da presença de ninguém menos do que o Imperador D.Pedro II, o Chafariz da Coroação verteu vinho ao invés de água, numa brincadeira planejada por fiéis súditos de V. Majestade.

SURGE O PRIMEIRO JORNAL DE SANTOS, A REVISTA COMMERCIAL

O primeiro periódico santista circulou em um domingo pela primeira vez. No início tinha apenas duas folhas. Fundado pelo alemão Guilheme Delius, era rodada em tipografia própria, localizada na Rua do Rosário. Encerrou as atividades em 1872.

1849

1852

CRIADA A CAPITANIA DOS PORTOS DE SANTOS

Primeira dependência da instituição foi no antigo Arsenal da Marinha, defronte ao Conjunto do Carmo. Depois foi para o Paquetá e mais tarde para o Palacete Carneiro Bastos. Em 1957 ocupou o prédio de Alberto Baccarat, na avenida Conselheiro Nébias. Em 2003, foi para as proximidades do armazém 27.

INAUGURADO O CEMITÉRIO DO PAQUETÁ, O PRIMEIRO DE SANTOS

Em 18 de outubro de 1853 era realizada a benção do campo santo do cemitério do Paquetá, quando também aconteceram os primeiros enterros. O local, entretanto, funcionava em seus primeiros meses sem uma regulamentação específica, só promulgada pela Câmara Municipal em 8 de dezembro de 1855.

Veja também:

ORIGEM DOS CEMITÉRIOS EM SANTOS

1853

1858

SANTOS POSSUI O ÚNICO CARNAVAL COM CERTIDÃO DE NASCIMENTO DO BRASIL

Um dos mais importantes historiadores do Carnaval Santista, Bandeira Júnior, fazia questão de enfatizar nos seus escritos: "O Carnaval Santista é, talvez, o único na face da Terra que nasceu numa data certa - 14 de fevereiro de 1858".

CONSTRUÍDA A CASA DA FRONTARIA AZULEIJADA

O sobrado azulejado, de estilo neoclássico, situado da Rua do Comércio foi a maior e mais imponente residência da cidade. Construído pelo Comendador Manoel Joaquim Ferreira Netto, funcionou como residência, armazém e escritório. Encontra-se tombado devido sua importância para a memória nacional.

1865

1865

AUGUSTO MILITÃO DE AZEVEDO TIRA AS FOTOGRAFIAS MAIS ANTIGAS DA CIDADE SANTISTA

O fotógrafo carioca Militão Augusto de Azevedo vem a Santos e capta uma série de imagens que se tornaria a mais importante da história santista, como as mais antigas fotografias ainda preservadas.

O SORVETE SURGE EM SANTOS

Em 1834, Lourenço Fallas lançava na Corte (Rio de Janeiro) gelados e sorvetes importados, trazidos pelo navio americano Madagascar. Em Santos, a primeira casa a oferecer sorvete ao público foi o Cisne Santista, no verão de 1866, vendendo o novo produto ao preço de $400 (quatrocentos réis).

1866

1867

CONSTRUÍDO OS CASARÕES GÊMEOS DO VALONGO

Construídos entre 1867 em 1872, pelo comendador Manuel Joaquim Ferreira Neto, os casarões gêmeos do Valongo abrigaram em 1896 a Câmara Municipal, mais tarde a Intendência e Prefeitura de Santos, que ali funcionou até 1939. Depois de vários incêndios, foi recuperado em 2011, virando o Museu Pelé.

INAUGURADA A ESTRADA DE FERRO PARA SÃO PAULO - A SPR

Considerada uma das maiores obras do século XIX no território brasileiro, a estrada de ferro da São Paulo Railway, que ligou Jundiaí à capital paulista e, de lá, a Santos, foi inaugurada em 16 de fevereiro de 1867. Esta obra mudou os rumos da economia do Estado e a cara da cidade santista.

1867

1871

SURGEM AS PRIMEIRAS CASAS DE BANHO

Em 1871, os santistas viram nascer um tipo de estabelecimento que já fazia muito sucesso na Europa, principalmente nas cidades que se expandiam e viam "esmagadas" suas fontes naturais de água: As Casas de Banho. Como a de José Cabalero, que cobrava até mensalidades.

INICIA-SE O SERVIÇO DE TRANSPORTE POR BONDE PUXADO A BURRO

Serviço foi pioneiro, inaugurado em outubro de 1971, foi o primeiro do Estado de São Paulo e circulava apenas no centro da área urbana. No ano seguinte surgiria uma linha para a praia da Barra (atual orla de Santos). Os bondes elétricos só viriam a partir de 1909. Os burros só se aposentaram em 1916

1871

1878

SURGE A ESCOLA DO POVO, O PRIMEIRO ESTABELECIMENTO DE ENSINO DA CIDADE DE SANTOS

Foi na segunda metade do século XIX que também começaram a surgir os primeiros estabelecimentos dedicados ao conhecimento geral, dentre os quais a Escola do Povo, fundada a 9 de setembro de 1878, e que ficava no Largo da Coroação nº 11 (hoje Praça Mauá).

PRAÇA DOS ANDRADAS, O PRIMEIRO JARDIM PÚBLICO DE SANTOS

Em 1879, a Câmara abriu alamedas pavimentadas em torno do imenso jardim que se formara sobre o antigo pasto de cavalos e muares (burros e mulas). Ali era dado o início da transformação do local na primeira praça pública de Santos.

1879

1879

CRIADA A SOCIEDADE HUMANITÁRIA DOS EMPREGADOS DO COMÉRCIO

Criada em 12 de outubro de 1879, para propiciar amparo e socorro à classe dos comerciantes, a Humanitária montou a biblioteca mais antiga da cidade, de 1888. A primeira sede é de 1891, mas a atual, o Palácio Humanitária, é de 1931. Os maiores bailes da cidade lá ocorriam.

INAUGURADO O TEATRO GUARANY

O Teatro Guarany abriu as portas em 7 de dezembro de 1882, com as peças "Mário" e "Lucrécia", ambas apresentadas pela Companhia Recreio Dramático da Corte. Neste dia uma orquestra regida pelo maestro Luiz Arlindo da Trindade fez o público se deliciar com a sinfonia "O Guarani", de Carlos Gomes.

1882

1884

O INCÊNDIO DA CAPELA NOSSA SENHORA DAS NEVES E A REVOLTA DOS ESCRAVOS

A Capela de Nossa Senhora das Neves, localizada na Área Continental e bastante frequentada por escravos, que a consideravam uma padroeira, foi incendiada por negros revoltosos contra o feitor do Engenho de Cabraiaquara, que os maltratava muito.

TREM DOS EMMERICH

Em 1886, o "Trem dos Emmerich", como ficou conhecido, foi inaugurado em dia de grande festa. O percurso era o mesmo dos bondes. Depois de sair da Estação de São Vicente, a composição atravessava a Praça Coronel Lopes e seguia pela atual Avenida Antonio Emmerich, passando pelo Matadouro.

Veja também:

O TREM DOS EMMERICH

1886

1888

MODALIDADE DO REMO SURGE EM SANTOS PELA PRIMEIRA VEZ NO PAÍS

Nacional e Internacional eram os dois primeiros clubes, formados por jovens que desejavam ter alguma atividade esportiva mais forte para praticar. O remo foi o primeiro esporte de massa da cidade e atraia centenas de pessoas nas disputas que aconteciam no Valongo.

MATHIAS COSTA É ASSASSINADO EM CRIME QUE CHOCOU A CIDADE

Na manhã de 8 de maio de 1889, Casimiro Alberto Matias Costa (o da Vila Matias) inspecionava as obras de abertura da futura avenida Ana Costa (nome de sua esposa), quando foi assassinado pelos irmãos Lima, em meio a uma briga por conta de terras supostamente "invadidas" pela vítima.

1889

1889

A PESTE CHEGA A SANTOS E DESESPERA A POPULAÇÃO

A Peste Negra, transmitida por ratos, desembarcou na cidade de Santos em outubro de 1899. Mas, médicos sanitarismas de renome, como Oswaldo Cruz e Vital Brasil vieram socorrer a cidade de Santos e conseguiram realizar o que parecia impossível: controlar e eliminar a doença na cidade.

TEATRO DE VARIEDADES FOI O MAIS FAMOSO CABARET SANTISTA

Inaugurado em 3 de dezembro de 1890, pelas mãos dos membros do Grêmio Dramático Artur Azevedo. A primeira atração local foi a apresentação da peça "Mosquitos por Corda", do português Eduardo Garrido. Em 1895, o espaço, que era todo feito em madeira, se transformou num café-cantante.

1890

1894

É CONSTRUÍDO NA PRAIA O HOTEL INTERNACIONAL DO JOSÉ MENINO

Pioneiro na orla da praia santista, foi construído em 1894, por Estanislau Amaral, sendo aberta ao público no ano seguinte. Sua localização, junto à praia, em frente à ilha de Urubuqueçaba, chamava atenção, assim como seu glamour e requinte. Foi demolido nos anos 1950.

SURGE O JORNAL TRIBUNA DO POVO, ATUAL A TRIBUNA

Primeiro número rodou em 26 de março de 1894, editado pelo jornalista Olimpio Lima. Em 1909, o jornal passaria para o comando do jornalista cearence Manoel Nascimento Júnior, que o fez crescer sobremaneira. Jornal até hoje é a maior referência de comunicação da região.

1894

1895

SANTOS FOI A CIDADE PIONEIRA DO 1º DE MAIO NO BRASIL

Santos esteve sempre à frente nestas questões da luta trabalhista e era considerada pelos governos federais uma cidade "indomável". Por isso, desde 1895, a cidade já vinha comemorando o 1º de maio, numa iniciativa do Centro Socialista de Santos.

INAUGURADO O REAL CENTRO PORTUGUÊS

Com a finalidade de congregar os cidadãos lusitanos em Santos, instituição tinha como meta oferecer atividades literárias, científicas, recreativas, educacionais e sociais. Seu majestoso prédio, em estilo manuelino, é de 1900.

1895

1896

INAUGURADO O RECREIO MIRAMAR, O PALÁCIO DOURADO DO BOQUEIRÃO

Inaugurado em 12 de janeiro de 1896, o Recreio Miramar foi o primeiro espaço de lazer da região da orla. Já em 1897 promoveu um baile de carnaval. Conhecido como o Palácio Dourado do Boqueirão, tinha como Slogan a frase: "Mesmo que Chova, Venha a Santos". Testemunhou grandes acontecimentos.

"VULCÃO" ENTRA EM ERUPÇÃO NO MACUCO E VIRA ATRAÇÃO NACIONAL

Trabalhadores da Comissão Sanitária perfuravam o solo na região dos Outeirinhos, no bairro do Macuco, quando uma substância gasosa de cor escura começou a jorrar e pegou fogo, soltando labaredas com mais de 10 metros de altura. O "vulcão"pegou fogo por quase um mês, e virou atração no Estado de SP.

1896

1897

SÉTIMA ARTE APORTA EM SANTOS APENAS DOIS ANOS DEPOIS DE TER SIDO INVENTADA NA FRANÇA

A novidade do século, como chamavam o cinematógrafo, chegou a Santos um ano depois de ter aportado no Brasil. Em junho de 1897, o Recreio Miramar, espaço localizado na praia do Boqueirão (na atual esquina avenida Conselheiro Nébias com a praia), passou a exibir alguns filmes produzidos na França.

CRIADO O MOINHO SANTISTA

Em 30 de setembro de 1905, na rua 11 de junho, sobrado n.º 2, Santos - SP, é constituída a S.A. Moinho Santista com o capital inicial de mil contos de réis. "As finalidades eram compra e moagem de trigo e outros cereais e compra e venda de farinhas e farelos e fabricação de massas e congêneres"

1905

1906

NA TERRA DO PADRE VOADOR, BALONISTA CARIOCA VENCE OS CÉUS DIANTE DE UM POVO EM ÊXTASE

O destemido aeronauta carioca, Alaor Pereira de Queirós, ofereceu um espetáculo aos santistas, que estavam muito curiosos para ver de perto o sonho de um velho conterrâneo se materializar no azul do céu da cidade portuária. O balão voou a 800 metros de altura na região do porto.

MOINHO SANTISTA CONSTRÓI PRIMEIRA UNIDADE DE MOAGEM EM SANTOS

A primeira unidade moageira é erguida em frente ao armazém 9 do porto, à rua: Xavier da Silveira, n.º 106, constando de um edifício e nove silos cilíndricos, sendo os primeiros do mundo erguidos em construção metálica. O trigo armazenado nos silos, naquela época, vinha do cais por meio de carroças.

1907

1908

PRIMEIRA VIAGEM DE AUTOMÓVEL ENTRE SÃO PAULO E SANTOS

Antonio Prado Júnior, Bento Canabarro, Clóvis Glicério e Mário Cardim foram os primeiros homens a cruzar a Serra do Mar, vencendo a distância entre São Paulo e Santos a borde de um automóvel a motor, inaugurando uma nova era no transporte entre as cidades.

PARQUE INDÍGENA É O MAIS PRECIOSO PARQUE VERDE DE SANTOS

Criado pelo comendador Julio Conceição, o Parque Indígena, formado em 1909, foi o primeiro parque verde da região da orla da praia. Com cerca de 22 mil metros quadrados, ficava nas quadras compreendidas pela avenida Conselheiro Nébias com a praia, até a Rua Embaixador Pedro de Toledo.

1909

1909

CONSTRUÍDO NO LUGAR DO FORTE, A ESCOLA DE APRENDIZES MARINHEIROS

No mesmo espaço onde existiu o Forte Augusto foi construído um enorme edifício que serviria para abrigar a Escola de Aprendizes Marinheiros, que tinha a missão de educar os jovens através da instrução primária e marinharia. Década depois o prédio seria usado como Museu de Pesca.

TEM INÍCIO SERVIÇO DO BONDE ELÉTRICO

O serviço de bonde eletrificado iniciou em Santos no dia 28 de abril de 1909, com a inauguração de duas linhas, ambas com destino a São Vicente, uma pela orla e outra pela futura Zona Noroeste. Os bondes elétricos são considerados as molas propulsoras do progresso de Santos.

1909

1910

INAUGURADO NO JOSÉ MENINO, O PALACE HOTEL

Inaugurado em 5 de março de 1910, o Palace Hotel era um dos mais importantes estabelecimentos hoteleiros da orla santista. Seu proprietário, o português Manuel Alves Tomás, mandou ornado com esculturas francesas, lustres de cristal e outros detalhes luxuosos. Foi demolido nos anos 60.

SANTOS É PALCO DO PRIMEIRO VOO DE UM PILOTO BRASILEIRO

O aviador Edu Chaves, em 8 de março de 1912 protagonizou o primeiro voo de um brasileiro pelos céus de sua terra natal, decolando com um monoplano modelo Bleriot, de 25 cavalos, das areias da praia do Gonzaga, voltando ao mesmo lugar alguns minutos depois. Ao seu lado, o francês Roland Garros.

1912

1914

SURGE O PARQUE BALNEÁRIO HOTEL, O MAIS LUXUOSO HOTEL DA AMÉRICA LATINA

Antes de sua inauguração, em 1914, o Parque Balneário já existia em um pequeno bangalô construído no local. Foi o hotel mais importante da cidade no século XX, hospedando presidentes e a realeza europeia. Tinha 250 quartos, além de cassino, quadras de tênis, etc. Foi demolido entre 1973 e 1975.

CRIADO EM SANTOS A "GOTA DE LEITE"

O Instituto de Proteção à Criança de Santos foi criado em 11 de junho de 1914 pelo médico Alcides Lobo Viana. A entidade importou vacas leiteiras da Holanda e passou a distribuir garrafinhas com leite fresco aos lactentes carentes, ganhando assim o apelido de Gota de Leite.

1914

1914

CRIADA A PRIMEIRA ESCOLA MUNICIPAL DE SANTOS

A municipalização aconteceu em 1º de agosto de 1914, quando o grupo foi incorporado, reunindo as antigas classes da Sociedade Auxiliadora com outras novas, formadas por crianças da população que não podia matricular seus filhos em escolas pagas.

FURACÃO CAUSA ESTRAGOS E MORTES EM SANTOS

Era feriado de 1º de maio, em 1915, quando um terrível furacão se formou de surpresa, ocasionando estragos e produzindo vítimas por toda a cidade, incluindo vítimas fatais. A pior das ocorrências foi na agência do correio, no qual duas mortes se registraram.

1915

1916

WESTERN TELEGRAPH SE INSTALA EM MODERNO PRÉDIO DO VALONGO

Empresa inglesa começou a operar no Brasil a partir de 1873, chegando em Santos em 1906, ocupando um pequeno escritório na Praça Mauá. Em 1916 instalou-se no prédio onde ficou conhecida por conta do relógio pontual, o Big Ben santista, que lá funcionou até às 12 horas do dia 25 de abril de 1973.

INSTALADO O MATADOURO MUNICIPAL DE SANTOS

Construído entre 1910 e 1916, o matadouro Municipal foi instalado na zona noroeste da cidade por questões sanitárias, da época. A grande novidade do matadouro santista eram as câmeras frigoríficas à seco. Com a expansão da cidade, o matadouro teve de ser desativado. Isso aconteceu em 1973.

1916

1916

SANTOS FUTEBOL CLUBE INUGURA ESTÁDIO URBANO CALDEIRA

Nascido num momento de crise no futebol da cidade, o Santos F. C. só conseguiu adquirir terreno próprio, na Vila Belmiro depois de treinar durante três anos em um campo alugado. O campo alvinegro foi inaugurado com o nome de Urbano Caldeira, ex-jogador e dirigente, falecido em 1933.

INSTALAÇÃO DA BOLSA OFICIAL DE CAFÉ DE SANTOS

Criada em 1914, por força de lei aprovada pelo Congresso Legislativo de São Paulo, a Bolsa Oficial de Café não tinha melhor lugar para situar-se: diante do maior porto cafeeiro do mundo. Começou a funcionar em 1917 e possuía como missão controlar o comércio do café e organizar sua exportação.

1917

1918

INAUGURADO O SERVIÇO DE BALSA ENTRE SANTOS E GUARUJÁ

Inaugurado em 19 de janeiro de 1918, o serviço de balsa inicialmente contava com uma única barca com capacidade para seis carros. Com o crescimento da demanda, outras barcas foram sendo colocadas à disposição. Até hoje o sistema é utilizado para a travessia entre as duas cidades.

ENTRA EM OPERAÇÃO PRIMEIRA BOMBA DE GASOLINA DE SANTOS E DA AMÉRICA LATINA

Era uma bomba instalada na rua, situada mais precisamente na avenida Ana Costa, esquina com a praia, defronte ao local onde hoje fica o Atlântico Hotel. Esta bomba é a primeira do gênero na América do Sul e era propriedade de Antônio Duarte Moreira, dono da primeira frota de taxis da cidade.

1919

1921

CAMINHO DO MAR (ESTRADA VELHA DE SANTOS) É A PRIMEIRA RODOVIA PAVIMENTADA COM CONCRETO NA AMÉRICA LATINA

Obras do governador de São Paulo, Washington Luiz, que vencera as eleições de 1920 com o mote "Governar é abrir estradas", a estrada para Santos foi a primeira a receber pavimentação de concreto no Brasil (e da América Latina), inaugurando uma era de construção de novas rodovias por todo o país.

INAUGURADO O ATLÂNTICO HOTEL

Inaugurado em 1922 pela antiga Companhia Teatro e Cassino Parque Balneário, ganhou os contornos atuais em 1928, no auge do café. Na década de 1970, ele ficou fechado por oito anos. Hoje é o mais antigo hotel ainda preservado originalmente da cidade de Santos.

1922

1922

INAUGURADO O PRÉDIO DA BOLSA OFICIAL DE CAFÉ

Inaugurado na ocasião do Centenário da Independência do Brasil, em 1922, o prédio da Bolsa de Café, é uma das maiores jóias arquitetônicas da cidade. Ali funcionou como bolsa até o final dos anos 1970. Desde 1998, funciona como o Museu dos Cafés do Brasil.

COMEÇA A DONA DOROTÉIA, VAMOS FURAR AQUELA ONDA?: ÍCONE DO CARNAVAL SANTISTA

Inicializado em 1923, a festa sobreviveu até 1997, ou seja, por 74 anos! Criado pelos sócios do Clube de Regatas Saldanha da Gama, liderados por Luiz Vieira de Carvalho, o Lorde Gorila. Os desfiles da Dona Dorotéia produziram centenas de "causos" curiosos ao longo dos anos.

1923

1923

ZEZÉ LEONE É ESCOLHIDA A PRIMEIRA MULHER MAIS LINDA DO BRASIL

Em um concurso promovido pela Revista da Semana e Jornal A Noite, ambos do Rio de Janeiro, mais de 300 candidatas de norte a sul do país disputaram o primeiro título de Rainha da Beleza Brasileira. Entre todas, a santista Zezé Leone foi a vencedora, abrindo uma era marcada pelas Misses.

INAUGURADO NOVO COLYSEU SANTISTA, EXCEPCIONAL CASA DE ESPETÁCULOS

Casa foi inaugurada na noite de um sábado, dia 21 de junho de 1924. Por fora, o imponente prédio impressionava, de tão majestoso que ficou após uma ampla reforma, iniciada no ano anterior. O Colyseu, a partir daí, viveu momentos de grande júbilo.

1924

1924

SANTOS GANHA SUA PRÓPRIA DIOCESE E O PRIMEIRO BISPO DIOCESANO

Logo após a criação da Diocese de Santos, em 4 de julho de 1924, foi ordenado como primeiro bispo, Dom José Maria Parreira Lara. Sua posse oficial, porém, só aconteceu em 18 de abril de 1925. Lara ficou nove anos à frente do posto (até 2 de outubro de 1934).

INAUGURADO O NOVO PRÉDIO CENTRAL DOS CORREIOS EM SANTOS

Serviço dos correios existia desde os tempos coloniais. Repartição ocupava um prédio na Praça Ruy Barbosa até 23 de dezembro de 1924, quando foi transferido para o imponente edifício da Rua Cidade de Toledo.

1924

1924

SURGE A RÁDIO CLUBE DE SANTOS, A PIONEIRA

A Rádio Clube transmitia com um equipamento de 50 watts de potência, ligada a uma antena instalada no Recreio Miramar (Av. Conselheiro Nébias, perto da praia). Em 1926, a Rádio Clube recebia sua licença oficial, como PRB-4. Mantinha rádios novelas concorridas e chegou a ser propriedade de Pelé.

INAUGURADO O SANTOS HOTEL, O HOTEL MAIS LUXUOSO DO CENTRO

Inaugurado em 1925, era conhecido como o hotel mais luxuoso do centro de Santos, situado na Praça Barão do Rio Branco. O empreendimento foi construído sobre a estrutura básica do Palacete de José Domingues Martins. Oferecia 15o quartos, todos com banho. Encerrou as atividades em 1950.

1925

1928

SURGE O PALACETE OLÍMPIA, PRIMEIRO EDIFÍCIO DA ORLA DA PRAIA

Com características arquitetônicas baseadas no estilo eclético, o Palacete Olímpia foi a primeira edificação pluri-residencial da orla contando com 30 apartamentos e espaço para estabelecimentos comerciais no piso térreo, como o tradicional Restaurante Olímpia. Encontra-se tombado desde 2005.

O DESABAMENTO DO MONTE SERRAT

O ano era 1928 quando um terrível desastre abalou a cidade: o desabamento de parte da encosta do Monte Serrat, que causou o soterramento de muitas casas e várias dependências da Santa Casa de Misericórdia de Santos, que então estava instalada no sopé daquela elevação.

1928

1928

MALA SINISTRA: MARIA FÉA E O CRIME QUE CHOCOU A CIDADE

No pátio do armazém 13 do porto santista, a polícia abriu uma mala endereçada a Ferrero Francesco, França, que seria embarcada no navio Massilia. Nela havia o cadáver de uma jovem, Maria Féa. O assassino, o próprio marido, Giuseppe Pistone, foi preso em São Paulo, onde morava com Féa.

INSTALAÇÃO DOS PRIMEIROS SEMÁFOROS DE SANTOS

Os primeiros "postes semaphoricos" foram instalados a partir de 1930, para conter o crescente trânsito de carros na cidade.

1930

1930

ACIDENTE AÉREO NO JOSÉ MENINO PROVOCA A MORTE DE HERÓI DA AVIAÇÃO BRASILEIRA

Acidente mata o mecânico Vasco Cinquini, reconhecido herói da aviação nacional, integrante da célebre travessia do Oceano Atlântico realizada pelo gigantesco hidroavião "Jahú" em abril de 1927, a primeira sem escalas da história da aviação mundial.

ESTÁDIO URBANO CALDEIRA PROMOVE PRIMEIRA PARTIDA NOTURNA

A inauguração da iluminação do Estádio Urbano Caldeira, do Santos F.C. ocorreu em 21 de março de 1931, e foi uma das primeiras do Brasil. Na ocasião, o Santos enfrentou uma seleção da cidade, empatando em 1 a 1, com gols de Manoel Cruz para a Seleção Santista e Camarão para o alvinegro.

1931

1932

CRIADO O COLÉGIO SANTA CECÍLIA, EMBRIÃO DA UNISANTA

É criado, em 16 de maio de 1932, o Colégio Santa Cecília, pelo jovem professor Milton Teixeira e sua esposa Nilza Pirilo, na esquina da Avenida Rodrigues Alves e Rua Silva Jardim. Em 1971, o Santa Cecília iniciava suas atividades no ensino superior, com o Isesc.

SANTOS INAUGURA SERVIÇO TELEFÔNICO AUTOMÁTICO

O serviço de discagem automática de Santos foi um dos primeiros do Brasil. Além das instalações de linha e novos aparelhos, a cidade teve inaugurada sua primeira Estação Telefônica, situada na Rua Braz Cubas, esquina da Rua Júlio de Mesquita.

1934

1934

SURGE O CINE ROXY, UM SOBREVIVENTE DA ÉPOCA DE OURO DA CINELÂNDIA SANTISTA

O Cine Roxy foi inaugurado em 15 de março de 1934, com a apresentação do filme "Cântico dos Cânticos". É o único da velha geração que ainda brilha na cidade santista, pois soube se adaptar aos novos tempos, tornando-se múltiplo.

INICIA-SE A URBANIZAÇÃO DA ORLA AJARDINADA

Depois de várias tentativas de ocupação do trecho da orla por empresas privadas, a Prefeitura de Santos decidiu urbaniza-la a partir de 1935, na gestão do prefeito Aristides Bastos Machado. Os primeiros trechos de jardins foram terminados em 1939. Ao longo nos anos, os jardins foram crescendo.

1935

1935

MOINHO SANTISTA TEM SEÇAO DE MOAGEM MAIS MODERNA DO MERCADO

O Moinho Santos se superava em tecnologia com a inauguração do moinho D, que contava com o maquinário mais moderno do mercado. A nova seção de moagem entrou em funcionamento com uma capacidade teórica de 100 toneladas/dia.

TOSCA, O PRIMEIRO MOMO DO CARNAVAL SANTISTA

Acompanhando de longe a festa dos cariocas e o sucesso do Rei Momo de 1934, os santistas também se mexeram para dotar o Carnaval local de um Rei legítimo. Por isso em 1935 foi coroado o primeiro Rei Momo de Santos: Eugênio de Almeida, também conhecido como Tosca.

1935

1935

SURGE A RÁDIO ATLÂNTICA, A "VOZ DO MAR"

Criada em 26 de maio de 1935, pelo empresário Carlos Baccarat, recebeu autorização para operar com o prefixo PRG-5. Depois de uma breve passagem pelo Hotel Parque Balneário, instalou seus estúdios no prédio da Sociedade Humanitária. Em 1943, foi para uma sede própria, com auditório para 650 pessoas.

DIRIGIVEL ALEMÃO "HINDENBURG" SOBREVOA SANTOS COM SUA SUÁSTICA NAZISTA

A excursão do Hindenburg, que sobrevoou a Baixada Santista na tarde do dia 30 de novembro de 1936, era composta por 63 passageiros, entre os quais algumas das mais importantes personalidades do governo Getúlio Vargas. A presença do tão falado dirigível foi amplamente noticiada pela imprensa local.

1936

1937

NASCE O TAMBORÉU, ESPORTE TIPICAMENTE SANTISTA

Junto com o surfe, o Verão de 1937, produziu a modalidade esportiva, única no Brasil. Ideia nasceu da mente dos irmãos italianos, Danadellis, que trouxeram da Itália dois tamboretes. Com uma bola de tênis, eles foram à praia e iniciaram uma história que permeia até hoje nas areias de Santos.

INAUGURADO O PALÁCIO SATURNINO DE BRITO

Depois de duas grandes reformas e ampliações, o prédio da Repartição de Saneamento de Santos tomou a forma definitiva, batizado em 28 de agosto de 1938, como Palácio Saturnino de Brito, em homenagem ao grande mentor do processo de saneamento da cidade de Santos.

1937

1937

SURFE NASCE, PARA O BRASIL, NAS ONDAS DA CIDADE DE SANTOS

As águas da Bahia de Santos viram surgir a modalidade pelas mãos de jovens como Thomas Rittscher, Osmar Gonçalves, João Roberto (Juhá) Haffers e Silvio Manzoni. Tudo nasceu da ideia de fazer uma prancha havaiana, cujo esquema foi publicado numa revista norte-americana, de Rittscher.

CRIADO O INSTITUTO HISTÓRICO E GEOGRÁFICO DE SANTOS

Algumas das figuras intelectuais mais influentes da cidade se reuniram para criar em 19 de janeiro de 1938, o Instituto Histórico e Geográfico de Santos, cuja sede foi instalada na Avenida Conselheiro Nébias, 689, num casarão que era uma antiga chácara, de 1886. Até hoje ocupa o mesmo endereço.

1938

1938

GETÚLIO INAUGURA ESTAÇÃO DE TREM DA SOROCABANA

Quando o tráfego de passageiros e carga começou a acontecer pela Estrada de Ferro Sorocabana, em 1937, foi necessário construir uma nova estação em Santos. Localizada na Ana Costa, ela foi solenemente inaugurada pelo presidente da República, Getúlio Vargas, no dia 26 de julho de 1938

INAUGURADO O PALÁCIO JOSÉ BONIFÁCIO, PAÇO MUNICIPAL

Inaugurado na ocasião do centenário da cidade de Santos, com a presença do então presidente do Brasil, Getúlio Vargas. A edificação é repleta de simbolismos, percebidos quando a observação leva em conta O passado filosófico e a importância histórica de José Bonifácio.

1939

1940

SANTOS VENCE PELA PRIMEIRA VEZ OS JOGOS ABERTOS DO INTERIOR

Era a segunda participação de Santos nos Jogos Abertos do Interior. Naquele ano de 1940, a competição havia sido oficializada pelo Governo do Estado de São Paulo. Santos venceu as 21 cidades que disputaram o evento em cinco modalidades. Santos se tornaria o maior vencedor, com 26 títulos.

GETÚLIO VARGAS INAUGURA O QUARTO PRÉDIO DA SANTA CASA

A inauguração do quarto edifício da Santa Casa de Misericórdia de Santos, no bairro do Jabaquara, ocorreu 17 anos depois do desbarrancamento que havia destruído o antigo prédio. A reinauguração do "primeiro hospital do Brasil" contou com a presença de Getúlio Vargas e foi o acontecimento da década.

1945

1945

É INAUGURADO O AQUÁRIO MUNICIPAL DE SANTOS, O PRIMEIRO DO BRASIL

Inaugurado em 2 de julho de 1945, na gestão do prefeito Antonio Gomide Ribeiro dos Santos. É o mais antigo equipamento deste tipo no Brasil. Sua principal atração eram os leões marinhos, uma espécie que sempre fez parte da vida do Aquário santista. Em 2006 foi ampliado, ganhando o contorno atual.

BALEIA DE 16 METROS VIRA ATRAÇÃO NO CANAL 6

Uma baleia jubarte entrou no canal do estuário, chamando a atenção de navios e de alguns sitiantes do lado da ilha de Santo Amaro. O passeio do animal acabou brutalmente interrompido: ela foi caçada, capturada e acabou morta, encalhada na areia da praia, transformando-se em atração para os santistas

1945

1945

COM AS ORQUÍDEAS DE JULIO CONCEIÇÃO, É CRIADO O ORQUIDÁRIO MUNICIPAL

Após a morte do comendador Júlio Conceição, em 1938, a cidade de Santos decidiu criar um espaço onde pudesse expor a sua imensa coleção de orquídeas. Assim, em 1943 eram iniciadas as obras do Orquidário Municipal, concluídas em 1945. O local virou um parque zoobotânico, a área mais verde da cidade.

ENTRA NO AR A RÁDIO CULTURA DE SANTOS

Fundada por Paulo Jorge Mansur, a rádio entrou no ar em 17 de outubro de 1946. Operou inicialmente com o prefixo ZYH-3, com transmissores instalados no Clube Hípico em São Vicente. Foi a primeira emissora a cobrir os Jogos Abertos do Interior. Foi a segunda do Brasil a operar em FM, nos anos 1970.

1946

1950

INICIA O REINADO DE WALDEMAR, UM REI MOMO DIGNO DE GUINESS BOOK

Waldemar iniciou sua rica e linda trajetória em 1950, quando foi eleito pela primeira vez em um concurso promovido pelo extinto jornal "O Diário. Liderou a Corte Carnavalesca, com alguns hiatos, até o ano 2000. Foram 50 anos dedicados ao Carnaval.

"THE CITY" ENTREGA SISTEMA DE BONDES E POE FIM A UMA ERA NO TRANSPORTE SANTISTA

Era 14 de janeiro de 1951 quando a cidade recebeu com pesar o anúncio do fim da concessão. Afinal, foram anos de parceria com a "City", marcados por bons e gloriosos momentos, que cessavam ali, de forma melancólica.

1951

1951

FUNDADA A SOCIEDADE VISCONDE DE SÃO LEOPOLDO, QUE DARIA ORIGEM À UNISANTOS

Em 28 de agosto de 1951, tendo como mentor o então bispo de Santos, Dom Idílio José Soares, é fundada a Sociedade Visconde de São Leopoldo, que criaria a Universidade Católica de Santos, a Unisantos. A primeira faculdade do grupo é a de Direito (1953).

SANTOS REGISTRA O CÃO FILA BRASILEIRO EM ENTIDADE INTERNACIONAL

O Santos Kennel Clube, fundado em 18 de novembro de 1949, se tornou referência nacional na elaboração de estudos sobre a raça. Paulo Cruz, seu mentor, foi o responsável pelo registro do Fila Brasileiro na FCI (Fédération Cynologique Internationale - Federação de Cinófilia Internacional), em 1952.

1952

1954

INAUGURADO O TÚNEL RUBENS FERREIRA MARTINS

A primeira pista foi inaugurada em 6 de setembro de 1954. A segunda, em 23 de dezembro de 1955. Iniciado na gestão de Rubens Ferreira Martins, em 1949, a obra terminou na administração do prefeito Antônio Ezequiel Feliciano da Silva (o primeiro eleito desde o Estado Novo de Getúlio).

SANTOS É ESCOLHIDA COMO A CIDADE MAIS ESPORTIVA DO PAÍS

Numa promoção organizada pelo jornal O Globo, do Rio de Janeiro, Santos foi escolhida, entre 2.373 municípios, como a cidade mais esportiva do Brasil. O jornalista Adriano Neiva da Motta e Silva, o De Vaney, foi o grande articulador da campanha santista. Uma placa de bronze marcou a conquista.

1955

1956

PELÉ CHEGA EM 1956 PARA JOGAR NO SANTOS F.C.

O jovem jogador Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, sagrou-se, mundialmente, como o Rei do Futebol.

BALEIA GIGANTE MOBY DICK VISITA SANTOS

Moby Dick vinha de uma "turnê" pela Europa e desembarcara na América do Sul no ano anterior. A atração era literalmente um "cadáver" de uma baleia jubarte, que fora pescada no Oceano Atlântico, entre Portugal e Marrocos. Era conservada em formol.

1956

1956

É FUNDADA A ACADEMIA SANTISTA DE LETRAS

Escritores, trovadores e poetas santistas sonhavam em organizar sua própria entidade. Assim, liderados pelo Monsenhor Primo Vieira e pelo empresário Clóvis Pereira de Carvalho, um grupo de doze membros fundou, em 1956, a Academia Santista de Letras, elegendo como patrono o poeta Martins Fontes.

SURGE A TV SANTOS, A PRIMEIRA EMISSORA REGIONAL DO BRASIL

Criada em 15 de novembro de 1957, a TV Santos operava como subsidiária das Organizações Victor Costa, da TV Paulista, canal 5. Foi a primeira emissora a contar com equipamentos 100% nacionais, fabricados em Santos pela Rebratel. Seus estúdios eram os mesmos da Rádio Clube. Terminou em 1958.

1957

1958

NASCE EM SANTOS O PRIMEIRO FESTIVAL DE TEATRO AMADOR DO BRASIL, O FESTA

O FESTA nasceu por conta do anseio da classe teatral santista e contou com apoio da imprensa, onde Patricia Galvão, jornalista de A Tribuna, não poupou esforços na cobrança de uma posição pública para fomentar e contribuir na formação do do festival santista.

INAUGURADO O PRÉDIO DO FÓRUM MUNICIPAL

Depois de utilizar as dependências da Cadeia Velha por muitos anos, o Fórum da Comarca de Santos, passou a ocupar o belo prédio da Praça José Bonifácio, a partir de 22 de outubro de 1962, batizado com o nome de José Xavier Carvalho de Mendonça. Chegou a ser o segundo maior Fórum de São Paulo.

1962

1964

NAVIO RAUL SOARES CHEGA A SANTOS PARA VIRAR PRISÃO

Desde 24 de abril de 1964, a velha embarcação com 64 anos de atividades marítimas, o "Raul Soares", permaneceu ancorada nas proximidades da ilha Barnabé servindo como cárcere a 94 prisioneiros prisioneiros políticos, dando início a um dos capítulos mais conturbados e tristes da história do Brasil.

CRIADO O SUPER CENTRO BOQUEIRÃO, PRIMEIRO "SHOPPING" DA AMÉRICA LATINA

Inaugurado em 15 de Setembro de 1965, o Super Centro Comercial Boqueirão é considerado o primeiro centro comercial da América Latina. Idealizado por Jorge Mathias e projetado pelo arquiteto Sérgio Bernardes, o objetivo de seus criadores era atrair o comércio para o bairro do Boqueirão,

1965

1965

É CRIADA DA PRODESAN, UMA DAS MAIORES EMPRESAS DE PLANEJAMENTO URBANO DO PAÍS

Criada pelas mãos de um prefeito engenheiro civil, Silvio Fernandes Lopes, a Prodesan, Progresso e Desenvolvimento de Santos S.A. tinha a missão de "pensar a cidade" para o futuro, livre das amarras burocráticas tão peculiares do executivo.

CRIADO O CENTRO UNIVERSITÁRIO LUSÍADA

Instituída em 13 de abril de 1966, pelo médico Eduardo Dias Coelho, a Fundação Lusíada obteve a aprovação pelo Ministério da Educação, em 2 de setembro de 1967, para a instalação da primeira Faculdade de Medicina de Santos. Sua primeira sede fui na rua Armando Sales de Oliveira.

1966

1967

GASÔMETRO EXPLODE NA VILA NOVA

Santos vivia uma madrugada calma no dia 9 de janeiro de 1967. A maior parte dos cerca de 300 mil habitantes santistas estava na cama, descansando para a jornada de trabalho que se iniciava naquela segunda-feira, pleno início do ano.

CRIADA A PRIMEIRA FACULDADE DE EDUCAÇÃO FÍSICA DO BRASIL, A FEFIS

Fundada em 20 de junho de 1968, pelas mãos de Rubens e Rosinha Garcia de Siqueira Viegas, como Sociedade Civil de Educação Física de Santos, foi responsável pela primeira faculdade de educação física do país, inicialmente instalada no campo do Brasil Futebol Clube. Entre seus alunos, o Rei Pelé.

1968

1971

LINHA 42 DO BONDE PÁRA DE CIRCULAR, ENCERRANDO UM PERÍODO DE 100 ANOS DESTE TIPO DE TRANSPORTE

O dia 28 de fevereiro de 1971 ficou marcado como a data em que circulou pela última vez o bonde prefixo 258, linha 42, encerrando uma história de 100 anos de conquistas e orgulhos.

CRIADA A ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL DO LITORAL PAULISTA, A AELIS, QUE DARIA ORIGEM À UNIMONTE

A instituição iniciou suas atividades em Cubatão. Em 1980, a instituição comprou o prédio onde funcionava o colégio Tarquínio Silva, reformando suas instalações. Em 1997, a Aelis se transformou no Centro Universitário Monte Serrat.

1971

1971

NO SALÃO DO CLUBE ATLÉTICO SANTISTA OCORRE 1ª EDIÇÃO DA BIENAL DE SANTOS

O ano era 1971, quando veio ocorrer finalmente, em Santos, a 1ª Bienal de Artes Plásticas, organizada pela Secretaria de Turismo, reunindo 250 obras, entre pinturas, esculturas, desenhos, gravuras e trabalhos arquitetônicos. As melhores obras receberam prêmio em dinheiro.

CRIADO O JARDIM BOTÂNICO DA ZONA NOROESTE

O primeiro Jardim Botânico de Santos nasceu como Horto Municipal no ano de 1925, esse ficava no bairro Jabaquara. Com o crescimento da cidade, serviço foi transferido para a Zona Noroeste de Santos, em 1973, no bairro do Bom Retiro. Em 1988, teve seu nome mudado para Jardim Botânico Chico Mendes.

1973

1977

KRIKRI, A FOCA QUE DEIXOU SAUDADES NO AQUÁRIO DE SANTOS

Um estranho animal marinho foi avistado por um vigilante nas águas estuarinas do porto. O animal, identificado como uma foca, foi transportado para o Aquário Municipal de Santos. O nome, "KriKri", foi escolhido pelos santistas por meio de um concurso memorável promovido pelo jornal Cidade de Santos.

SANTOS TEM SUA AUTONOMIA POLÍTICA RESGATADA, APÓS 14 ANOS DE INTERVENÇÃO DA UNIÃO

Santos recuperou sua autonomia política, depois de quase 14 anos de intervenções e prefeitos nomeados, com a assinatura do Decreto-Lei nº 2.050, que revogou outro decreto, de 1969, que declarava o Município de Santos como área de interesse da Segurança Nacional.

1983

1984

APÓS 13 ANOS, BONDE VOLTA A CIRCULAR NA ORLA DA PRAIA

O bonde da orla, inaugurado em um domingo, 10 de junho de 1984, funcionou até 1986, atuando como linha turística entre a igreja do Embaré e o canal 5, na praia, numa extensão de 1.800 metros.

MORRE A NADADORA SANTISTA RENATA AGONDI EM TRAVESSIA NO CANAL DA MANCHA

Renata era um dos maiores nomes da natação brasileira. Sua especialidade era provas em águas abertas. Em agosto de 1988, depois de uma excursão vitoriosa pela Itália, ela resolve desafiar a travessia do Canal da Mancha, entre França e Inglaterra, mas acabou morrendo de hipotermia.

1988

1990

GIRONDA, A PRIMEIRA IMPLOSÃO DE SANTOS.

A primeira implosão realizada em Santos ocorreu no Edifício Gironda, que nos anos 1940 transformou-se num dos hotéis mais luxuosos de Santos. Com o tempo, teve sua estrutura comprometida, por má construção. Localizado no Gonzaga, foi implodido em apenas três segundos, com 25 quilos de dinamite.

ENTRA NO AR A TV LITORAL

Primeira das concessões destinadas à região, a TV Litoral, do empresário Lupércio Mussi, entrou no ar em 5 de janeiro de 1991, com programação local. A emissora retransmitia o sinal da TV Educativa, do Rio de Janeiro. Em 1996, a Litoral foi vendida para o Grupo Santa Cecília, que criou sua emissora.

1991

1992

SANTOS SE TORNA A CAPITAL DO TRIATHLON NO BRASIL

Depois de ter surgido no Brasil em 1982, o Triathlon, esporte que reune provas de natação, ciclismo e pedestrianismo, encontrou em Santos seu principal palco. Desde 1992, a cidade sedia o maior campeonato brasileiro da modalidade, atraindo atletas de todos os cantos do mundo.

JUDOCA ROGÉRIO SAMPAIO GANHA PRIMEIRA MEDALHA OLÍMPICA DE UM ATLETA SANTISTA

Santista ganhou fama internacional ao ganhar a medalha de ouro no judô nos Jogos Olímpicos de Barcelona, em 1992, a segunda do Brasil no esporte, derrotando na final o húngaro Jozsef Csak, com um wazari. Antes, Rogério havia derrotado o alemão campeão mundial, Udo Quellmalz, na semifinal, por ippon.

1992

1992

ANTIGA CASA ACASTELADA DO OUTEIRO É RECUPERADA E VIRA SEDE DA FAMS

A casa que pertenceu ao médico João Éboli, construída nas pedras remanescentes do Outeiro de Santa Catarina, foi resgatada, recuperada e seu entorno todo urbanizado para dar lugar, em 1995, à primeira sede da Fundação Arquivo e Memória de Santos.

ENTRA NO AR A TV TRIBUNA, AFILIADA DA REDE GLOBO EM SANTOS

Entrou no ar em 1º de fevereiro de 1992, com programação jornalística local. A estreia do primeiro telejornal aconteceu em 1994, com a edição noturna do Jornal da Tribuna. A edição matinal iniciou em 1996. Até hoje é a principal emissora de Tv da Baixada Santista, administrada pelo Grupo A Tribuna.

1992

1993

GOLFINHO FLIPPER GANHA A LIBERDADE, DEPOIS DE DIVERTIR E CONQUISTAR UMA GERAÇÃO INTEIRA DE SANTISTAS

Era 17 de janeiro de 1993, quando o golfinho Flipper, principal atração do Oceanário de São Vicente, partia para a liberdade. Sua história esteve intimamente ligada a uma geração inteira de santistas, durante os nove anos em que a atração permaneceu em um tanque na Praia do Itararé.

SURGE EM SANTOS AS PRIMEIRAS LINHAS BBS DE INTERNET

As primeiras linhas BBS (softwares que permitiam a ligação dos computadores com as redes telefônicas especialmente para navegação na internet) surgiram em Santos em 1995. No ano seguinte começaram a surgir os primeiros provedores, como a BSnet e a Coastway.

1995

1996

FUNDADO NO CENTRO CULTURAL PATRÍCIA GALVÃO, O MUSEU DA IMAGEM E DO SOM

Depois de anos de planejamento, a Prefeitura monta, com doações de várias empresas de comunicação da cidade e de munícipes, o seu Museu da Imagem e do Som (MISS). O equipamento funciona até os dias de hoje.

JARDINS DA ORLA RECEBEM TÍTULO DE MAIOR DO MUNDO PELO GUINESS BOOK OF RECORDS

Com 5.335 metros de comprimento, largura entre 45 e 50 metros e 218.800 m² de área, os jardins santistas foram reconhecidos como os mais extensos em orla de praia. A primeira publicação com a referência aconteceu na edição de 2002.

2002

2009

INAUGURADO NO EMISSÁRIO O PARQUE ROBERTO MÁRIO SANTINI, COM BELA OBRA DE TOMIE OHTAKE

Inaugurado para comemorar o 463º aniversário de Santos, o projeto foi assinado pelo renomado arquiteto Ruy Ohtake, e incluiu pista de skate, Museu do Surf e arquibancadas no Quebra-Mar. Em homenagem à imigração japonesa também inaugurou-se o monumento da artista plástica Tomie Ohtake.

INAUGURADO O GINÁSIO ARENA SANTOS PARA OS JOGOS ABERTOS DO INTERIOR

O Arena Santos foi inaugurado em 27 de outubro de 2010, na ocasião dos Jogos Abertos do Interior. Foi construído em uma área de 11.000 m², sendo 5.137 m² de área coberta, com estacionamento para 400 veículos, onde são realizados eventos como o Festa Inverno.

2010

2014

INAUGURADO O MUSEU PELÉ NOS CASARÕES DO VALONGO

O Museu Pelé foi inaugurado num domingo, em 16 de junho de 2014, nos antigos casarões do Valongo. Em seus 4.134 m² de área foram distribuídos 180 itens do acervo de Pelé, mais área interativa multimídia e exposições temporárias, sendo a primeira delas "4 Copas e 1 Rei".




Voltar ao topo